Páginas

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Simplesmente uma Paixão'


Algumas pessoas têm mania de fotografar, outras compõem músicas, outras, tocam algum instrumento, outras são viciadas em vídeo game, outras em futebol, e eu tenho vício e mania por escrever. Escrevo sobre tudo o que vem na mente, e sobre quem eu quiser; parece que escrevendo eu me realizo. Morro de vontade de escrever um livro. Quando era menor, escrevi dois em trabalhos de escola. O primeiro, se não me engano, foi na segunda série, não lembro da história, mas lembro bem do título e da capa, ''Kelly e Kaio'', capa colorida e cheia de flores. O segundo, fio na terceira, começou com um poema, e a minha professora Ana, gostou tanto, que sugeriu que eu transformasse em um livro. E eu o fiz. '' O Moranguinho''. Um poema infantil e sem sentido, tratava-se de um morango feliz, sem boca nem nariz... a professora mandou pra uma editora, mas nunca mais ouvi falar do assunto, pois mudei de escola.
Ano passado também queria escrever um, estava bem empolgada e cheia de idéias porque lia um livro por semana, e comecei a me apaixonar por ler histórias, ler vicia. Eu amo ler. Escrevi umas 40 páginas e acabaram acontecendo algumas coisas que tiraram a minha vontade de escrever o resto.
Mudei de estado, e acabei parando um pouco com a leitura e com a escrita. Até que um dia desses, mexendo em algumas coisas que eu nem sabia que tinham vindo com a mudança. achei a história que estava escrevendo no ano passado, já tinha até esquecido dela. comecei a ler, e fiquei surpreendida com aquilo, porque eu tinha esquecido completamente da história, das personagens, reli aquilo tudo e acabei me fascinando novamente pela escrita e leitura.
Entre os meus grandes planos e projetos para o futuro, ser escritora é um deles.
Não posso dizer que era um sonho. mas um grande desejo que eu tinha de criar meu próprio blog. Sempre via na televisão as meninas postando coisas maneiríssimas, achava isso super legal. Nunca fiz porque não tinha acesso à internet diariamente, só entrava de vez enquando. Até que esse ano, decidi fazer, nem sabia como, só joguei no google e aprendi.
E hoje, to aqui na 38º postagem em menos de 3 meses e super feliz por ter alguns seguidores.
Acredito que esse seja apenas um passo em direção ao meu plano de ser escritora, e creio que tenho capacidade de o ser, pois a cada leitura que faço, evoluo um pouco, cada livro é um aprendizado; é como uma conquista chegar à última página, e também uma tristeza, porque mais uma emocionante história chegou ao fim, quase sempre, deixando um gostinho de quero mais.
E quando se trate de ler ou escrever, eu sempre quero mais. É como uma paixão.
Puxei isso do meu pai, que adora ler.
Quando eu escrever meu livro, o terceiro, que vai ser publicado se Deus quiser, meu pai vai ser o primeiro à ler. Porque tudo começou, quando ele me fazia assistir filmes legendados com ele.. mas essa parte deixa pro próximo texto. =)

Nenhum comentário:

Postar um comentário