Páginas

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Minha opinião em um assunto Polêmico ...



Não é só de romantismo e sentimentos que eu gosto de falar, na verdade estou pensando seriamente em cursar faculdade de jornalismo pelo meu apreço em escrever e pelo meu desempenho em expressar a minha opinião.
Hoje em minha aula de filosofia, tive de fazer uma redação, sobre o seguinte assunto, e eu gostei tanto do que escrevi, que resolvi colocar aqui no blog, afinal, são coisas que passam em minha mente.
Baseado no artigo de Carlos Alberto Sardemberg – Não tem nada de mais...
O artigo, publicado no jornal O GLOBO, fala de uma viajem que o senador, José Sarney, fez ao Maranhão à convite da governadora do estado, autoridade máxima, que é simplesmente sua filha, nenhum problema até aí, certo ?
Errado. A lei determina que por ele ser chefe de poder, tem direito a “segurança e transporte de representação em todo o território nacional”, em qualquer circunstancia, mesmo a lazer.
O problema se encontra no fato de que ele tem um helicóptero a sua disposição, e nesse caso, o helicóptero que ele utiliza, é da PM e é destinado a transporte de doentes e não para dar carona a autoridades.
Argumentos de adeptos a frase : Não tem nada de mais... são: “Sarney não é uma pessoa comum, a família Sarney, que controla o Maranhão há décadas. Quantos brasileiros têm ilha particular ?”
É, realmente poucos.
Mas, já estou citando muitas frases que estão no artigo. Agora vou dar a minha opinião própria sobre esse absurdo.

É por essas e outras razões que me dá certo nojo de nascer no Brasil. Enquanto não só o senador Sarney, mas muitos outros chefes de poder desfrutam de helicópteros, carros, aviões, ônibus, etc., e um salário de mais de R$ 60 mil, nós, a classe desfavorecida, penamos indo trabalhar 5 horas da manhã em ônibus apertados, com mais gente em pé do que sentadas, em trens com pouquíssimos lugares e em condições precárias, se adoecermos, e dependermos da rede pública de saúde, morremos esperando atendimento. “Não há verba suficiente para os hospitais”. Não há ? Mas para a reforma do Maracanã há verba suficiente e com exageros, a vida de quem vai mudar com essa reforma ? O que é mais importante para as nossas “autoridades”, a boa fama do nosso país para os demais governos, ou o viver bem para os habitantes, nós ? Infelizmente, todos sabem a resposta, e é a que menos nos favorece. Quem se importa com olimpíadas e copa mais do que com a saúde, a educação? só para constar, para uma criança ou adolescente ter um bom conhecimento, deve pagar uma taxa maior que um salário mínimo, para uma “pessoa comum” se aposentar deve ter mais de 30 anos de trabalho, enquanto, os maiorais, as autoridades, trabalham 4, 8 anos, e se aposentam ganhando muito, mas muito bem.
Mas isso tudo, é fruto de uma reação em cadeia, pois o conhecimento aqui é pouco, insuficiente para qualquer pessoa escolher bem um candidato a assumir qualquer cargo de autoridade no país. A Política, do meu e do seu Brasil, virou piada, pois temos o triste fato de um comediante ser eleito deputado federal, e receber um gordo salário as nossas custas.
Infelizmente não podemos fazer nada quanto a isso, pois a mídia não nos concede essas informações. Afinal, a classe lá de cima não vai ganhar nada com o nosso bom conhecimento quanto a isso, pelo contrário, só vai perder, e perder muito.


2 comentários:

  1. Gostaria que mais jovens pensassem assim pois se vocês são o futuro deste país pelo menos teriamos esperança do que ainda há de vir parabens minha filha esta amadurencendo cada vez mais Deus continue te abençoando

    ResponderExcluir